Habitats

Habitats
Habitats da Reserva Natural das Lagoas de Santo André e da Sancha.

RNLSAS - paisagem Cristina Girão VieiraZona húmida junto à Estação Ornitológica do Monte do Outeirão (® Cristina Girão Vieira).

A Reserva Natural das Lagoas de Santo André e da Sancha constitui uma das unidades paisagísticas do Sítio da Rede Natura "Comporta/Galé" [PDF 206 KB].

De acordo com os critérios da Diretiva Habitats (92/43/CEE) transposta pelo Decreto-Lei n.º 140/99, de 24 de abril, alterado pelo Decreto-Lei n.º 49/2005, de 24 de fevereiro, estão reconhecidos na Reserva Natural os seguintes habitats:

Nota: assinalados com * os Habitats prioritários

1 Habitats costeiros e vegetação halófila
11 Águas marinhas e meios sob influência das marés
1140 [PDF 297 KB] Lodaçais e areais a descoberto na maré baixa
1150 [PDF 208 KB] Lagunas costeiras *
12 Falésias marítimas e praias de calhaus rolados
1210 [PDF 231 KB] Vegetação anual das zonas de acumulação de detritos pela maré 
13 Sapais e prados salgados atlânticos e continentais
1310 [PDF 348 KB] Vegetação pioneira de Salicornia e outras espécies anuais das zonas lodosas e arenosas
1320 [PDF 140 KB] Prados de Spartina (Spartinion maritimae)
14 Sapais e prados salgados mediterrânicos e termoatlânticos
1410 [PDF 399 KB] Prados salgados mediterrânicos (Juncetalia maritimi)
 
2 Dunas marítimas e interiores
21 Dunas marítimas das costas atlânticas, do Mar do Norte e do Báltico
2110 [PDF 224 KB] Dunas móveis embrionárias
2120 [PDF 314 KB] Dunas móveis do cordão dunar com Ammophila arenaria ("dunas brancas")
2130 [PDF 361 KB] Dunas fixas com vegetação herbácea ("dunas cinzentas") *
2190 [PDF 260 KB] Depressões húmidas intradunares
22 Dunas marítimas das costas mediterrânicas
2230 [PDF 254 KB] Dunas com prados da Malcolmietalia
2250 [PDF 258 KB] Dunas litorais com Juniperus spp *
2260 [PDF 247 KB] Dunas com vegetação esclerófila da Cisto-Lavenduletalia
2270 [PDF 220 KB] Dunas com florestas de Pinus pinea ou Pinus pinaster ssp. atlantica * - ver Anexo [PDF 300 KB]
 
3 Habitats de água doce
31 Águas paradas
3120 [PDF 305 KB] Águas oligotróficas muito pouco mineralizadas em solos geralmente arenosos do oeste mediterrânico com Isoëtes spp.
3130 [PDF 484 KB] Águas paradas, oligotróficas a mesotróficas, com vegetação da Littorelletea uniflorae e/ou da Isoëto-Nanojuncetea
3140 [PDF 230 KB] Águas oligo-mesotróficas calcárias com vegetação bêntica de Chara spp.
3150 [PDF 305 KB] Lagos eutróficos naturais com vegetação da Magnopotamion ou da Hydrocharition
3170 [PDF 296 KB] Charcos temporários mediterrânicos *
32 Águas correntes – troços de cursos de água com dinâmica natural e seminatural (leitos pequenos, médios e grandes), em que a qualidade da água não sofre mudanças significativas
3290 [PDF 270 KB] Cursos de água mediterrânicos intermitentes da Paspalo-Agrostidion
 
4 Charnecas e matos das zonas temperadas
4020 [PDF 287 KB] Charnecas húmidas atlânticas temperadas de Erica ciliaris e Erica tetralix *
4030 [PDF 464 KB] Charnecas secas europeias
 
6 Formações herbáceas naturais e seminaturais
62 Formações herbáceas secas seminaturais e fácies arbustivas
6220 [PDF 392 KB] Subestepes de gramíneas e anuais da Thero-Brachypodietea *
63 Florestas esclerófilas sujeitas a pastoreio (montados)
6310 [PDF 222 KB] Montados de Quercus spp. de folha perene
64 Pradarias húmidas seminaturais de ervas altas
6410 [PDF 308 KB] Pradarias com Molinia em solos calcários, turfosos e argilo-limosos (Molinion caeruleae)
6420 [PDF 247 KB] Pradarias húmidas mediterrânicas de ervas altas da Molinio-Holoschoenion
6430 [PDF 251 KB] Comunidades de ervas altas higrófilas das orlas basais e dos pisos montano a alpino
 
9 Florestas
92 Florestas mediterrânicas caducifólias
9240 [PDF 265 KB] Carvalhais ibéricos de Quercus faginea e Quercus canariensis
92A0 [PDF 270 KB] Florestas-galeria de Salix alba e Populus alba
92D0 [PDF 269 KB] Galerias e matos ribeirinhos meridionais (Nerio-Tamaricetea e Securinegion tinctoriae)
93 Florestas esclerófilas mediterrânicas
9330 [PDF 311 KB] Florestas de Quercus suber 
Acções do Documento